segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Grego,

.
O presente seduz...
Em linda embalagem,
máscara amalgamada.


Lou Vilela

.

3 comentários:

Marcelo Novaes disse...

A máscara ajuda a viver um outro. Se for um pouco estranho, este outro ( estrangeiro...), ajuda a soltar um lado desconhecido ( teatro, Dioniso...). Se for demasiado Outro ( inumano / sobre-humano, como o Medo da Morte ), petrifica, paralisa ( Górgona, pesadelo). É grego, o presente...




Beijos, querida!





Marcelo.

Lou disse...

Exegese em poesia!:) Abçs, meu amigo!

Marcelo Novaes disse...

Isso existe, querida...

:)




Beijos,




Marcelo.