terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Caos ordenado

.
Sou
opinião assimilada
produto do meio
matéria em transformação
máscara móvel
caos ordenado

divido-me em teses, antíteses e sínteses
e no fim, subtraio-me!


Lou Vilela
Em 03/12/07
.

3 comentários:

fred disse...

Não creio que se subtraia, mas é um bom poema.
Beijos

Ígor Andrade disse...

Confusão boa, em?

Lou disse...

Sim, é um poema... e como tal, completa-se com a "co-autoria do olhar".

Abraços, Fred!

-----------

Sim, Ígor. Confusões que inquietam. (risos)

Abraços