sábado, 18 de julho de 2009

Avoa

.

Não há asas tardias

em tardes de revoada.

Vão-se as aves

- eis a vida! –

restam penas.


Lou Vilela

.


25 comentários:

Úrsula Avner disse...

A profundidade e beleza de suas poesias Lou são admiráveis. Bj.

Moacy Cirne disse...

Loupoesia:
há um poema seu
no Balaio.
O de hoje.

Beijos.

Mirse disse...

Lindo, Lou!

"Vão´se as aves....restam as penas"

Beijos

Mirse

Adriana Godoy disse...

as penas ficam às vezes leves, ora extremamente pesadas. bela metáfora. bj

Lou Vilela disse...

Uma profundidade e beleza que apenas contracenam com cada olhar que assim percebem, Úrsula

Bjs

Lou Vilela disse...

Moacy,

Adorei o codinome! ;)

É sempre um prazer compor o seu balaio, meu caro! Já estive lá para agradecer o presente.

Beijos

Lou Vilela disse...

Obrigada, Mirse! ;)

Beijos, minha cara!

Lou Vilela disse...

Sim, Godoy... o peso é relativo.

Um grande abraço!

nina rizzi disse...

eu avoada, tu ellenizada.
beijo :)

Lou Vilela disse...

e/ou vice-versa :)

Beijos, me.nina!

BAR DO BARDO disse...

as aves vão(s) & vãs

avena
a pena
apenas

O Profeta disse...

Pintei em traços vibrantes
Aprisionei a beleza e a harmonia
Dancei no sabor de irreverentes matizes
Misturei a aurora com o fim do dia

Um violoncelo soltou duas notas sorridentes
Dançaram as cores de forma trágica
Os pincéis inventaram a doçura do teu rosto
Em movimentos de rodopiante mágica


Boa semana


Mágico beijo

Graça Pires disse...

Não há asas tardias. Há penas. A sensibilidade de quem escreve...
Um beijo.

guru martins disse...

...melancolicamente
bonito...

bj

artistas_solidários disse...

restam penas...apenas?
sentindo tua falta...bjs

Lou Vilela disse...

Gostei do desdobramento, Henrique! ;)

Abraços

Lou Vilela disse...

Boa semana pra ti também, profeta!

Abraços

Lou Vilela disse...

Graça,

Você costuma nos brindar com belas e sensíveis construções.

Beijos

Lou Vilela disse...

Ô você aí dos artistas, também tô com saudades! ;)

Beijão

Mirse disse...

Lou, Como não é sempre que tem tempo de visitar meu blog, passe lá rapidinho para ver o chamado para a entrevista do Moacy.
Beijos

Mirse

Adriana disse...

eis a vida, que voa, leve ou pesada, passa.
bj Lou.

Moacy Cirne disse...

Oi,
você está no Balaio,
hoje.
Abraços.

Lou Vilela disse...

Mirse,

Já estive lá para conferir. Obrigada pela excelente dica!

Bjs

Lou Vilela disse...

É isso aí, Adriana...

Beijão

Lou Vilela disse...

Moacy,

Um beijo e um sorriso enorme para ocê!

Lou