quinta-feira, 28 de junho de 2012

Resistência


Sabe, amor
Já nem sei o caminho -
você todo eufórico;
eu pura alforria.
Mas... de que adianta um ventre livre
se de maios, princesas e silêncios mendiga-se:
mais um dia?

Lou Vilela

* imagem sem indicação de autoria.

4 comentários:

Lara Amaral disse...

O sentimento que se arrasta, e a corrente já quebrada.

Beijo, Lou.

Carol disse...

Belos e belos textos!
Boa semana!

Lai disse...

quão exigente é o amor...

Fernando Santos (Chana) disse...

Bela fotografia e texto...Espectacular....
Cumprimentos